Desgraças Na Cozinha

Vá-se lá saber porquê, sempre que tento fazer coisas mais saudáveis, o teste nunca corre bem! Há umas semanas atrás foi uma pasta vegan com molho de alho. Vi a receita online e tinha bom aspecto, por isso lá decidi dar-lhe o benefício da dúvida. Não devia ter dado, porque o molho de alho na verdade não tinha nada de especial. Era pastoso demais e sensaborão. Prometi que nunca mais me ia fiar em receitas online. Mas qual quê, lá aparece outra coisa nova que me desperta a atenção e lá vou eu de novo experimentar.

Um amigo meu esteve cá de férias e falou-me de hummus. Já tinha ouvido falar, mas não sabia bem o que era. Ele disse-me que gostava, por isso pesquisei algumas receitas e decidi fazer uma simples. Preparei eu mesma o tahini e depois tratei de fazer o molho. A coisa começou logo a correr mal no tahini. Acho que aquilo não ficou com a consistência devida.

A primeira impressão do hummus foi um bocado estranha porque, como podem ver na foto, eu tive a fantástica ideia de fazer tahini usando sementes de sésamo preta – foram as únicas que encontrei na loja e eu tenho tendência a querer comprar as coisas para o desenrasque do momento, mesmo que só tenha feito o molho semanas depois de comprar as sementes, o que me daria mais do que tempo suficiente para ir comprar as sementes de sésamo normal – e isso deu logo ao molho final o aspecto de uma máscara facial de lama. Depois de parar de rir com o aspecto da coisa provei e achei demasiado salgado. Na verdade ainda não experientei o molho no pão ou assim, só provei um bocadinho, mas acho que a receita pediu sal a mais. Ou seja, mais uma vez quer-me parecer que gastei ingredientes para nada.

Por outro lado, hoje fiz também um semi-frio de iogurte e esse tem bom aspecto, mas ainda não solidificou completamente. Quando estiver pronto coloco aqui uma foto também e link para a receita. Mas provei um pouco do creme desse semi-frio e sabe bem. Por isso, acho que ao menos com a sobremesa posso contar, e isso é o mais importante, não é?

Começo a acreditar que sou uma personagem de um conto de fadas qualquer. Os meus pais devem ter convidado para o meu baptismo alguma bruxa madrinha que, como prenda de baptizado, me deu a “benção” de não ser capaz de fazer comida saudável E gostosa. A ver se encontro o sindicato das fadas madrinhas, para revocar isto.

Carina Pereira

Anúncios

2 thoughts on “Desgraças Na Cozinha

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s