Passo Por Ti Cada Dia

Hoje, foi um fado.

Surgiu-me esta letra, e surgiu-me também uma melodia, mas como já é costume deixo só aqui a primeira parte e depois regressarei para deixar a melodia gravada, numa altura mais oportuna.

Este fado fala de uma rapariga que está apaixonada por um Professor de liceu e lhe serve o café todos os dias ao final da tarde, quando ele regressa da escola. É um fado corridinho, porque uma letra destas não permite outra coisa.

*

Passo por ti cada dia

Quando voltas do liceu

Trazes os livros na mão e nem sabes

Que eu sonho com um beijo teu


Sirvo-te o café bem quente

Tão quente quanto o meu coração

Mas os teu olhos nem sequer se levantam

Ficam a fitar o chão


Vais corrigindo os pontos

Com os óculos bem ajustados

Eu vou-te vendo de trás do balcão

Vou sonhando que és o meu namorado

Casamos num dia de Primavera

Somos felizes como nunca foi ninguém

Vens da escola, eu estou à tua espera

Sirvo-te o café, dizes que me amas também


Depois acordo e tu pedes-me a conta

Eu coro e digo que hoje não é nada

Um dia hás-de casar-te comigo

Um dia hás-de levar-me para casa


Por agora vou arrumando a tua mesa

E recolho o papel que deixaste para mim

“Passo por ti cada dia,” escreveste

“Será que também gostas de mim?”


“Passo por ti cada dia,” escreveste

“Será que também gostas de mim?”

Carina Pereira

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s